01 abril 2014

A perda, a dor e os sentimentos

| |
Sabe o que me deixa mais triste? Ver as pessoas sofrerem. Não importa se são pessoas boas ou más, mas é algo horrível, e é como se a dor se transportasse pra você.
Hoje, uma colega de classe, durante o intervalo recebeu a notícia de que sua mãe havia partido. Foi algo muito triste, ela chorava no intervalo junto de suas amigas e eu apenas queria adivinhar o que tinha acontecido, poderia até ser apenas uma queda boba durante uma partida de futebol na quadra. Mas não era.
Logo após o intervalo ela chegou na sala com suas amigas junto de nossa diretora para que orássemos por ela, claro que ela não falou, quem realmente pediu esta oração foi a diretora junto das amigas da menina. A sala inteira orou enquanto a menina chorava, e foi algo que comprometeu o resto de nosso dia. O silêncio foi algo contagioso desda entrada da menina chorosa na sala.
O resto das aulas foi exatamente a mesma coisa, muito quieta. Ainda existiam muitos grupos de amigos conversando e entre as duas últimas aulas as professoras passaram pouquíssimas lições, mas tudo com o menor tom de voz possível em respeito a uma perda.
A cada riso espontâneo se sentíamos mais tristes por saber que uma das meninas mais divertidas da sala, com um sorriso lindo, já não pertencia o mesmo riso divertido que já nos causou problemas, e algo como "culpa de estar feliz naquele momento" passava por nós apertando o coração. A garota já havia ido embora da escola, mas acabamos sabendo que sua irmã mais novinha ainda não sabia da morte de sua mãe. Minha cabeça rodava sem saber onde parar e o que pensar. Decidi não me importar em ser feliz e dar alguns sorrisos, uma perda que causou tristeza até para nós que não estávamos presentes nos acontecimentos anteriores, mas uma lição de vida. A vida daquela mulher não nasceu para nos dar uma lição, mas temos que tirar algo de bom dela. Que sejamos feliz até o final de nossos tempos, e a morte é algo que vai chegar pra todos até os tempos acabarem, e é a vida meu amigo.
É algo que realmente dói: dizer para sermos felizes enquanto uma menina chora entre os cantos, mas é isso. A dor não é algo que veio para ser bom, pelo contrário, e o consolo nem sempre virá de palavras, mas um abraço apertado pode ajudar mais que qualquer palavra.
Uma das primeiras coisas que pensei quando escutei as palavras da diretora, primeiramente foi lembrar de quando a garota pediu oração por sua mãe pelo facebook, a alguns meses, e depois pensei como seria se minha mãe partisse. Por mais que eu brigue com minha mãe e fique muito brava com ela, se ela partir o que será de mim? Terei de seguir a vida, mas tudo será diferente.
Entre o silêncio das aulas, não conseguia desviar do assunto e até pensei que não deveria, e entendi que precisava valorizar mais minha mãe e meu pai, além deles nos ter dado vida e sustento até hoje, o amor que eles tem por nós e o carinho (até mesmo sem abraços, beijos e etc), temos que entender que nem tudo na vida é para sempre, pelo menos nessa vida terrena ou como você queira chamar (isso já envolve crença e tudo mais), e nossos pais são seres humanos como todos, essa frase do "nada é para sempre" normalmente se refere realmente a vida e a morte, e temos que começar a entender e valorizar nossos dias.

2 comentários:

  1. Isso é algum texto, poema ou foi escrito por você mesma?

    Amei! Nossa que lindo o texto, parabéns!

    http://blogdavogell.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi escrito por eu mesma, haha, obrigada!

      Excluir