21 maio 2014

Resenha: Chuva para lavar a alma - Anderson Caum

| |
Olá gente, tudo bem? Antes de iniciar a postagem, gostaria de pedir desculpas ao Anderson Caum, o autor do livro que irei resenhar, pelo imenso atraso na resenha. Eu me comprometi em postar e ainda tinha combinado algumas coisas extras, como uma entrevista, e acabei atrasando demais, então peço desculpas! E hoje a resenha vai ser do livro Chuva para lavar a alma.

Sinopse: Um romance sobre as verdades escondidas que influenciam e podem determinar nossos caminhos. Muitas vezes ouvimos falar sobre o jogo de forças que, em vários momentos, parece impedir que conduzamos nossas vidas, como fantasmas que aparecem para atormentar o trabalho, a família... Ana se reúne, há três gerações, com jovens em orfanatos para fazer o que considera sua grande missão: contar histórias. Mas, na verdade, seu principal trabalho é o de resgatar as almas das mãos dos que ela considera serem os “senhores da vida”. E, dentre suas inesquecíveis narrativas, há uma que é frequentemente pedida por todos: a extraordinária história de Emanuel, um menino que, diz a lenda, desde pequeno, e por muito tempo, teve sua vida manipulada por forças sobrenaturais muito perigosas. O que poucos sabem é que esta saga, contada repetidamente por Ana, é real. Uma época de luta, que remete ao Dilúvio, à história do anjo Nicanor, relatados na Bíblia, e se estende a um grande plano traçado por anjos e demônios para a vida de Emanuel e influenciou a todos, como Ana, que viveu uma terrível fase no passado, na tentativa salvá-lo.


Sabe aquele livro que te faz pensar por horas? Bom, nem preciso dizer que o Chuva para lavar a alma faz parte desse grupo de livros, a cada dez páginas você tem que parar para pensar e se questionar pelo que foi colocado. Sabe por que? Vou te contar...

No início do livro nos deparamos com Ana, uma senhora que, por opção, decide espalhar a história de Emanuel, que é a preferida das crianças do orfanato no qual ela contribui. Emanuel é um homem que, órfão, conquistou a vida num ritmo solo, terminando a faculdade, trabalhando duro e vivendo com sua noiva. E no momento que esta história é iniciada, está em seu próprio casamento com Raquel. Por ironia do destino, ou não, no mesmo dia desta cerimônia, aliás, na festa de seu casamento, ele é informado de que teria a chance de ser correspondente na Europa.
O mundo se tornou um mar de rosas, até que Emanuel não teve mais descanso, trabalhava durante o dia inteiro e um pouco mais, e assim Raquel passava grandes dias isolada, sem ter com quem conversar, entrando em depressão. E não posso esquecer de mencionar que Raquel era fascinada pelas histórias de anjos e demônios contidas na Bíblia e estava sempre procurando saber mais. Ela volta para o Brasil por não aguentar mais aquilo, ela realmente havia sofrido muito. E enquanto Emanuel mantinha a promessa de sua volta, Raquel é hospitalizada... Raquel morre.
Claro que Emanuel, como um típico jornalista, realmente quer saber do que aconteceu, quer motivos. E enquanto ele entra nesta busca, ele conhece Nicanor. A partir daí me vem o medo de revelar algo que não deveria... Mas pra adiantar, sabe a história da Arca de Noé? Lembre-se dela.

Gostei muito do livro, ele realmente nos faz parar pra pensar, e como eu vi em uma resenha aleatória, afirmo: Começamos a ler achando que é apenas um romance qualquer e acabamos encabulados. São apresentados durante o livro versículos bíblicos que talvez tenham sido colocados para dar mais ênfase e concretizar a história. Mas, você, não se preocupe, não é um livro aprofundado em estudos bíblicos, a não ser que o objetivo da leitura seja levado para estudos assim, mas ele pode ser considerado "apenas" um romance.
Levei muito a sério o que foi apresentado, pois foi realmente muito bem colocado na trama, você começa a prestar atenção no que você nunca prestou, (mas não ouso dizer que afirmo ou nego os fatos).
A escrita do autor, acompanhada da trama, faz-nos correr capítulos com a maior bipolaridade de um leitor: eu quero ler, mas não quero terminar o livro... quero parar para pensar na trama, mas não quero parar de lê-la. Para vocês terem uma ideia, eu cheguei a fazer milhões de perguntas (digo, uma, que tinha este mesmo peso) para o autor!

Peço desculpas á todos, mas eu não conseguirei dar uma nota exata para o livro, ele foi uma leitura totalmente diferente, e eu não sei... mas fica aí com quatro estrelas!

Desculpas pelo atraso, sério, eu demorei. Demorei, mas saibam que eu também emprestei o livro, o que causou mais uns dois meses de atraso, sim, haha. Beijos 

Onde Comprar: Buscapé
SKOOB: Aqui | Editora: Novo Século | ISBN: 9788542800494 | Ano: 2013 | Páginas: 248

Nenhum comentário:

Postar um comentário