04 dezembro 2014

Resenha: Linhagens - Eleonor Hertzog

| |
No segundo livro da série(?) Uma geração, todas as decisões da autora Eleonor Hertzog, fiquei mais uma vez hipnotizada pela estória e logo quando acabei a leitura já senti falta dos personagens. Quer saber por que?

Sinopse: E se você descobrisse que a Terra guarda grandes segredos? E se esses segredos fossem poderosos o suficiente para modificar o rumo de nossas vidas? Laços se estreitam, conflitos irrompem. Erros foram cometidos e o tempo está acabando. Nada é o que parece ser. Segredos emergem de Casas e Linhagens. Peggy corre grandes riscos e as consequências das próximas decisões podem colocar tudo em jogo. Os Melbourne mais uma vez terão que provar sua capacidade de resolver problemas. As consequências de cada decisão afetarão o Universo inteiro. Caberá apenas a Uma geração... Todas as decisões!



A estória de Linhagens começa de onde Cisne parou. Começamos com toda a tripulação no navio (Cisne), incluindo jornalistas e intercambistas, indo em direção ao Mar Negro. Peggy já estava se sentindo incomodada a algum tempo, e quando chegam à ilha para fazerem as análises e pesquisas sobre as focas, que seria algo de rotina, tudo começa a fazer sentido, e o desconforto traz um significado.
Com milhares de focas mortas, a grande questão seria o motivo disso ter acontecido. Então, em movimentos acelerados, toda a tripulação começa a pesquisar para encontrar um motivo que se julgue válido para a morte de tantas focas. Os olhos dos pequenos tripulantes não alcançariam o verdadeiro motivo, pois não tinham conhecimento das verdades da Terra. Mas, ao anoitecer, tudo, mais uma vez, se esclarece e acabam tendo que passar por uma grande batalha para sobreviver.

Não são apenas os pequenos Melbourne que terão surpresas ao verem as maravilhas que o seu mundo sempre escondeu, seja durante o aperto que passaram, ou ainda após ele, mas nós também. Nos são apresentadas muitas informações desconhecidas sobre herdeiros, linhagens, casas, habilidades e muitas coisas mais. Conhecemos um pouco mais sobre as linhagens que ganham mais destaque no livro, como Senira e Merine, e conhecemos mais sobre outras antes nada importantes.
Conheceremos um pouco mais sobre Peggy, o poder de suas habilidades e até onde elas podem chegar. E o mais interessante disso, que o descobrimento de tudo isso começou com um grande problema e provavelmente terminará em uma TREMENDA confusão.
Henry e Doris acabam, também, mostrando suas incríveis habilidades e conhecimentos, e mesmo não sendo ouvidos, mostram que podem, sim, usar dessa grande arma para resolver coisas que antes, pelo puro conhecimento de uma linhagem qualquer, não seria resolvido ou mesmo seria apenas aniquilado (trocadilho para quem leu o livro).

Eu sei, resenha grande, mas ainda tem mais... Acredito que o livro poderia ser caracterizado por duas partes - do início ao meio, e do meio ao fim - porque passamos por muitos extremos no enredo e por aventuras diferentes que acredito que, mesmo ambas as partes serem importantes, ambas transmitiram reações e emoções diferentes. SIM, eu sei que essa "teoria" só funciona na minha cabeça.
Além de tudo temos a continuação de discussões e problemas do livro anterior, claro!

Acho que não preciso escrever mais nada e dar tchau, porque acredito que só pela minha imensa resenha já deu pra ver que eu AMEI o livro. Personagens bem desenvolvidos e que crescem conforme o livro evolui, e sempre tem um motivo para suas ações, porque, afinal, estamos falando de jovens super-power-mega-blaster inteligentes. Um personagem que mesmo não se destacando tanto neste livro, me levou a esta conclusão, foi Tim. No livro anterior ele era super animado e engraçado, mas conforme os acontecimentos desse livro, ele virou o oposto, o que demonstra que a autora desenvolveu bem cada personagem, e cada um tem motivo pelos seus atos - seja ação ou emoção.
A escrita continua encantadora e a edição... uma fofura. E vou dizer, nunca imaginaria amar mais Peter & Peggy do que Peggy & Tim, mas sim, isso aconteceu.

A resenha de hoje saiu um tanto grande, peço desculpas, mas além de Linhagens ser grande, é um livro que merece uma resenha como esta. O livro foi cortesia da autora, e eu agradeço de todo meu coração pela oportunidade de estar lendo e resenhando uma obra como essa. O livro ganha cinco estrelas, e para provar que ele é digno, sua avaliação no Skoob é de 4.9!! isso mesmo, haha. Beijos 
 Pesquise o preço: Buscapé
Skoob: Aqui | Editora: LetraImpressa | ISBN: 9788566652031 | Ano: 2013 | Páginas: 700

Nenhum comentário:

Postar um comentário