05 fevereiro 2015

Pitaco: Filmes indicados ao óscar 2015 (part. 1)

| |
























Invencível (Unbroken)

Para quem nos acompanha no facebook eu já comentei sobre esse filme, foi simplesmente o melhor filme que já assisti até hoje, sem duvidas, é o tipo de filme que você sofre com o personagem praticamente do inicio ao fim do filme e saber que o cara fez tudo por honra a sua pátria, que ele lutou e conseguiu ir até o fim, mesmo com todas as torturas, sem contar o final, que terminou com nada mais, nada menos do que uma música do coldplay. Foi lindo e achei bastante injusto o filme não estar concorrendo como melhor filme e melhor ator (mesmo não tendo assistido todos outros).


Para Sempre Alice (Still Alice)

É um filme tristemente realista que vai mostrar a dura realidade de uma pessoa com alzheimer, Alice uma renomada e ativa professora universitária, que começou esquecendo coisas simples, mais com  o passar dos dias não sabia nem mais aonde ficava o banheiro da própria casa. No meio de tudo, uma coisa que me surpreendeu bastante foi com relação a pessoa que resolveu se abdicar de toda sua vida para ajudar a mãe, era a que todos menos esperava que resolveu ficar ao lado da mãe. Em minha opinião, Kristen Stewart fez um excelente papel e poderia estar concorrendo como melhor atriz coadjuvante e já Julianne Moore é sim uma grande concorrente para ganhar o óscar como melhor atriz, interpretou muitíssimo bem a personagem.


A Teoria de Tudo (The Theory of Everything)

Esse é um filme de superação baseado em fatos reais, Stephen Hawking um jovem astrofísico que descobre aos 21 anos possuir uma doença degenerativa, mas apesar das dificuldades ao decorrer do tempo isso não o impedeu de se casar, ter filhos e fazer grandes conquistas acadêmicas, ao contrario, quando soube de seus poucos anos de vida, com a ajuda de sua esposa Jane Wide, que conheceu ainda na faculdade, ele passou a se dedicar ainda mais aos estudos sobre o tempo e conseguindo assim provar sua teoria e ser reconhecido mundialmente.



Livre (Wild)

Cheryl Strayed após a morte de sua mãe, um divórcio e uma fase de autodestruição repleta de heroína e sexo com homens desconhecidos, ela decide mudar e investir em uma nova vida junto à natureza selvagem. Para tanto, sem nenhuma experiencia ela se aventura em uma trilha de 1100 milhas pela costa do oceano Pacífico. 
Então o filme é basicamente mostrando todo esse percurso que Cheryl realiza sozinha, as dificuldades encontradas em seu percurso pelo deserto e as lembranças de seu "passado" que ainda a assombra.




Nenhum comentário:

Postar um comentário