17 fevereiro 2015

Resenha: Princesa Adormecida - Paula Pimenta

| |
Olá gente, tudo bem? Decidi postar a resenha do livro Princesa Adormecida, da Paula Pimenta, que eu li neste mês. Ultimamente não tenho feito resenha de todos os livros que eu ando lendo, mas eu preferi fazer este, deixar minha opinião pra vocês.

Sinopse: Era uma vez uma princesa... Você já deve ter ouvido essa introdução algumas vezes, nas histórias que amava quando criança. Mas essa princesa sou eu. Quer dizer, é assim que eu fiquei conhecida. Só que minha vida não é nada romântica como são os contos de fada. Muito pelo contrário. 
Reinos distantes? Linhagem real? Sequestro? Uma bruxa vingativa? Para mim isso tudo só existia nos livros. Meu cotidiano era normal. Tá, quase normal. Vivia com meus (superprotetores) tios, era boa aluna, tinha grandes amigas. Até que de uma hora pra outra, tudo mudou. 
Imagina acordar um dia e descobrir que o mundo que você achava que era real, nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida.
Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única.
Eu não conheço a sua história, mas a minha é mais ou menos assim...

Áurea Bellora era uma garotinha quando teve de separar de seus pais, e mudar de nome para sua própria proteção, vindo para o Brasil. Mas espere, vamos contar esta história do início...
Os pais de Áurea se conheceram em Paris, e foi quando tudo começou. Sua mãe, brasileira, foi lá para fazer um curso de culinária, onde conheceu o marido por meio de uma conhecida - Marie Malleville. Não posso esquecer de citar que seu pai tem um pé na família real de Liechtenstein. Eles engravidaram antes mesmo de se casar, e quando a filha nasceu seus planos eram fazer o batizado e o casamento juntos. Mas, infelizmente, houve um contratempo. Marie Malleville começou a ameaçar o romance do casal, pois ela era apaixonada pelo pai de Áurea, e não achava que o casal iria para frente, e com uma incrível paranoia, ameaçou a garota para destruir a família. No dia do batismo, ela sequestrou a menina, mas felizmente um garoto viu a mulher saindo e indo para uma casa próxima.
Conforme os anos foram se passando, Áurea ficava trancada em sua casa para manter-se segura, até que Malleville fosse realmente presa. Então os pais decidiram deixá-la no Brasil, na segurança de seus três tios, mudando o nome e fazendo-a acreditar que seus pais estavam mortos.
Áurea passou a chamar-se Anna Rosa. O tempo se passou, e aquela história ia se apagando em sua cabeça, e acabou tomando por verdade o fato dos pais estarem mortos e a história contada pelos tios ser falsa, apenas para acalmá-la pela morte de seus pais. 
Por volta de seus 11 anos ela vai estudar em um colégio interno de meninas, e no seu aniversário de 16 anos ela decide sair escondida para o shopping e depois vai para uma 'matinê', pois seus tios a mantinham presa. Depois de muita confusão, quando ela achava que tudo já estava resolvida, ela recebe uma mensagem em seu celular... de um garoto.

Gostei da estória, mas ela me pareceu muito previsível. Como ela é uma releitura, isso já é de se esperar, mas não vi nenhuma surpresa no enredo. Vamos por partes.
Os tios dela sempre avisaram - trilhões de vezes - para ela não fala com estranhos, e ela mesmo repete isto tantas e tantas vezes, e ela acaba caindo na rede mesmo assim. Ela acredita neste menino cegamente e se apaixona, não que seja uma coisa difícil de acontecer, mas ela nem mesmo se atenta aos perigos - não como ela deveria.
Ela não é uma personagem fraca, apesar de tudo. Ela apenas é uma garota que não tem tanto contato com o mundo, e quando ela ganha um gostinho, acaba acreditando que tudo realmente é uma maravilha.
Como eu tinha dito, tudo é muito previsível. A autora te mostra um caminho e você adivinha o que tem em toda a trajetória, e aí ela te mostra outro, e você já sabe como o livro vai acabar. Fiquei um pouco decepcionada por conta disso, mas não foi nada que me fez querer rasgar o livro, haha. 
Não tenho mais nada a acrescentar, não quero dar spoilers. Dei 3 estrelas ao livro, e recomendo que vocês leiam para ter a própria experiência de leitura, pois eu vi que muita - muita - gente amou o livro. Beijos 
Skoob: aqui | Editora: Galera Record | ISBN: 9788501034205 | Ano: 2014 | Páginas: 192

Nenhum comentário:

Postar um comentário