14 abril 2015

Decepção

| |
A decepção é algo horrível. Te corrói até o osso, quando forte. Vivemos no meio de milhares de pessoas, com suas vidas e metas, vivendo cada dia de uma vez. Muitas vezes colocamos fardos pesados demais acima delas, esperanças e expectativas que nem mesmo elas alcançam, e aí vem a decepção. Obviamente, decepção não é algo mortífero, mas acarreta muitos males. Chega a ser aproximadamente 99% pior quando a decepção é entre você e seu próprio eu.
Não bastam dias lutando, dando o melhor, numa batalha constante. Se a decepção chegar, é a mesma coisa que ser jogada no abismo, sem ter como fugir. Naquele momento seu mundo parece ter destruído. A pressão das pessoas sobre você te destroem, é como se enchessem o abismo, que já parecia o fim, e o enchessem de água, enquanto elas apenas cantam diante de seus ouvidos, e você afunda. Mais... mais... e mais. 

Devo ser a pessoa que mais se decepciona consigo mesma. Passo por isso muitas vezes durante um curto período de tempo. Passei por isso hoje, e a única coisa que gostaria de fazer era me encolher em um canto e chorar. Algo tão infantil, coisas tão bobas, mas a decepção sempre nos pega despercebidos. Aquilo que você sabe que poderia ter feito melhor, que sabia o que deveria fazer e como executar, mas por algum motivo deu errado, ou um dia ruim. Tudo isso pode nos levar a uma grande decepção. Muito mais por conta do que estas coisas causam do que elas realmente são.

A pior parte é escutar críticas dizendo que isto é simples falta de interesse e dedicação, quando você parece ser o único a verdadeiramente lutar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário